6 dicas para vender um carro usado

Dicas para vender um seminovo

Vender um carro usado, mesmo para um experiente vendedor, pode ser difícil. Afinal, carros novos contam com vantagens que acabam compensando, na visão do comprador, apesar do valor mais alto. Por esse motivo quem vende carro usado deve ter alguns trunfos na manga para fazer o comprador indeciso sentir que um veículo de segunda mão pode ser a melhor escolha. A seguir, listamos alguns itens a serem observados para que aquela visita ao site de compras ou à concessionária tenha mais chances de se converter em vendas.

6 dicas para vender um carro usado

1 – Organize-se

Mantenha o carro inspecionado e tenha em mãos todos os registros de manutenção e garantias disponíveis. A documentação em dia mostra que o negócio é transparente e retira qualquer barreira nesse sentido.

2 – Tire boas fotos

Tire uma quantidade suficiente de fotos para provar que você não tem nada a esconder. Faça fotos de todos os ângulos: interior, exterior, motor, chassi e painel de equipamentos, fazendo um registro honesto e completo. O comprador precisa sentir confiança ao visualizar o carro na internet, como se estivesse presente.

3 – Escreva um bom anúncio

Seja específico. Concentre-se em como o carro tem boa performance no asfalto e em terrenos mais acidentados (se for o caso), ressaltando as vantagens, mas seja honesto sobre as falhas do carro também. Mostre um risco ou mencione uma mancha ou amassado, se for o caso. Isso fará com que um potencial comprador confie em você. Os compradores desconfiam de carros usados que são perfeitos demais, mesmo que venha a comprar, quando descobre alguma falha que veio do antigo dono, é possível que o comprador não venha mais a sua loja ou comece a falar mal para todos.

4 – Anuncie em lugares diferentes

Publique anúncios em todos os lugares, no Repplica há possibilidade de você divulgar em mais de 10 classificados diferentes. Capriche na divulgação. Alguns classificados de veículos online facilita ao comprador verificar outras ofertas da sua loja, ou seja, caso ele não identifique com o primeiro veículo que vê, ele pode navegar por todo seu estoque e achar uma boa oferta! Ter o seu estoque divulgado em vários lugares e atualizado é um grande ponto positivo para sua loja, mostra que você se importa com o comprador online que vem crescendo a cada instante.

5 – Invista em apresentação pessoal

Não adianta alinhar todo o carro e caprichar no marketing mas ir para o encontro com um possível comprador de forma relaxada. É importante manter o asseio pessoal sempre que for tratar de assuntos referentes à venda, já que uma pessoa bem arrumada transmite a ideia de gente séria e cuidado. Muitas lojas disponibilizam uniformes para seus funcionários. Da mesma forma, mantenha seu estabelecimento limpo, asseado e com a organização em dia, para que os compradores sintam-se bem vindos.

6 – Negocie somente após o test-drive

É importante que o comprador sinta que quer o carro primeiro, tendo o gostinho de dirigi-lo, pois dessa maneira ficará mais aberto para negociações com vantagens para os dois lados. Muitas boas vendas são feitas levando em conta a conexão emocional do carro e potencial comprador.

Você já seguia essas dicas? Em que outros aspectos você investe na hora de vender um carro usado? Deixe um comentário!

Faça um comentário